Bela Gil
Bela Gil

DESTAQUES DA EDIÇÃO 2015 DO FESTIVAL AGROSERRA - DA ROÇA AO PRATO


Logo em sua primeira edição, o AgroSerra conseguiu alcançar números bastante relevantes. Reuniu 32 expositores e cerca de 2 mil pessoas que passaram pelo festival durante dois dias de evento.

 

A principal atração ficou por conta do workshop realizado pela apresentadora e chefe de cozinha natural, Bela Gil, que preparou um prato a partir de produtos locais. Outro destaque foi a exposição “Cantos de Secretário”, que mostrou fotos de diferentes locais da vila feitas por crianças do projeto “Amigos da Mata”, a partir do aprendizado resultante de oficinas ministradas pelo fotógrafo Alaor Filho.

 

No evento também foram realizadas palestras sobre empreendedorismo, artesanato, desenvolvimento sustentável, formalização e financiamento, além de oficinas práticas de cerâmica e de produção de pães.

BELA GIL

A apresentadora e chef de cozinha natural Bela Gil foi uma das atrações da primeira edição do AgroSerra – da Roça ao Prato. Além da palestra sobre alimentação saudável, Bela elaborou um prato com produtos da região expostos no Festival.

PRÊMIO TALENTOS DA ROÇA​

A primeira edição do AgroSerra - da Roça ao Prato foi o palco para o lançamento do prêmio Talentos da Roça. O objetivo é premiar iniciativas criativas e bem sucedidas na zona rural do Estado do Rio que tenha como foco o pioneirismo, a sustentabilidade, o associativismo. O regulamento será divulgado no mês de agosto no site do Festival. 

FESTIVAL TEVE DOAÇÃO DE MUDAS DO PALMITO JUÇARA 

Durante o AgroSerra - da Roça ao Prato foram oferecidas ao público mudas do palmito Juçara. Explorado intensamente a partir da década de 70, o palmito Juçara encontra-se hoje sob o risco de extinção. Apesar da retirada sem a realização e a aprovação de um plano de manejo sustentado ser proibida por lei, a exploração predatória tem avançado no país e quase toda a espécie comercializada e exportada pelo Brasil atualmente é ilegal.

CANTOS DE SECRETÁRIO

A organização do AgroSerra - da Roça ao Prato realizou oficinas de fotografia para 10 crianças e adolescentes do projeto Amigos da Mata. O fotógrafo Alaor Filho que já trabalhou nos grandes jornais do Rio e de São Paulo foi o instrutor. A ideia era despertar a sensibilidade no olhar das crianças e criar um novo sentimento de pertencimento do lugar onde se vive.  As fotografias, resultado das oficinas práticas, foram expostas no festival e também estampadas em jogos americanos.